Balneário Camboriú

Prefeitura vai recuperar acessos públicos danificados pela ressaca do mar nas praias agrestes

Com base em um levantamento feito pela Secretaria do Meio Ambiente (Semam) nas praias agrestes de Balneário Camboriú, a Prefeitura prepara a recuperação dos acessos públicos danificados pela ressaca. No início desta semana, o mar avançou e causou estragos em passarelas de acesso à praia e também retirou a areia que estava sob elas, tornando-as elevadas em relação ao solo. As praias mais atingidas foram Estaleiro e Estaleirinho. A Semam já contatou a Secretaria de Obras, que fará a reforma dos decks públicos, e a empresa Ambiental, que recolherá lixo e detritos surgidos com a movimentação do mar. Materiais de madeira, como fragmentos de cercas e de decks arrancados, serão reaproveitados. Antes da recuperação, a secretaria vai elaborar um projeto para padronizar os acessos. “A padronização visa à preservação ambiental, segurança dos usuários, acessibilidade e embelezamento”, diz o secretário do Meio Ambiente, Luiz Henrique Gevaerd. Para reformar os acessos privados, os responsáveis por eles deverão entrar em contato com a Semam e seguir a padronização. De acordo com Gevaerd, o projeto deverá ficar pronto em um mês. As obras serão executadas dentro de dois ou três meses. A recuperação é uma das ações da Prefeitura para obter o certificado do programa Bandeira Azul. As praias do Estaleiro, Estaleirinho e Taquaras estão inscritas na fase piloto do Bandeira Azul, um programa internacional de certificação ambiental para praias e marinas. Os três locais terão até final de 2018 para se adequarem e se tornarem ecologicamente corretos para então ter a bandeira azul hasteada.

Share:

Deixe seu comentário

Seu e-mail não será publicado. Campos necessários estarão marcados com *