Balneário Camboriú

Mais de 70 moradores participaram do Simulado de Inundação da Defesa Civil de Balneário Camboriú

A tosadora Katiucia Amazonas, moradora da Rua Biguaçu foi uma das participantes do Simulado de Inundação da Defesa Civil de Balneário Camboriú, que aconteceu na noite desta segunda-feira (9), por meio do Grupo de Respostas a Ações Coordenadas (GRAC). “Recebi o convite para participar do Corpo de Bombeiros. Toda informação que recebemos é válida, especialmente em uma situação como essa, porque temos sempre que estar preparados”, falou Katiucia.  No total, 72 moradores do Bairro dos Municípios participaram voluntariamente do Simulado de Inundação no bairro, sendo 34 famílias abrigadas; 28 adultos masculinos; 31 adultos femininos; 08 crianças masculinos; e 05 crianças femininos. O recolhimento das pessoas, que supostamente teriam suas casas atingidas, para ir até o abrigo que funcionou no Centro Educacional Municipal Vereador Santa, contou com apoio de um ônibus da Guarda Municipal e outro do Corpo de Bombeiros, que passavam pelas ruas atingidas do bairro. O Simulado envolveu 130 integrantes e a divisão para o monitoramento das chuvas no treinamento e repasse das informações para a população, se dividiu entre: Sala de Comando, instalada no Centro Educacional Municipal (CEM) Ariribá, Comando de Operações, que ficou na 5ª Avenida com a Rua Biguaçu, e o Abrigo, no CEM Vereador Santa. No Abrigo, sob a gerência da Secretaria de Desenvolvimento e Inclusão Social, as pessoas eram recebidas e um cadastro com todos os dados necessários era realizado. “Além dos dados pessoais tinham perguntas do tipo, se eram alérgicos, tomavam alguma medicação, tamanho das roupas e os cadastros eram separados por famílias”, disse o secretário Luiz Maraschim. Após o cadastro, recebiam o vale alimentação, kits de higiene pessoal, colchão e cobertores. De acordo com dados do Corpo de Bombeiros, o abrigo selecionado, abrigaria mais de 300 pessoas. Alberto Manoel de Souza, que reside na Rua Brusque, veio sozinho para buscar informações sobre o assunto. “Queremos aprender sempre, por isso vim pegar as informações para passar as pessoas que não vieram”, disse Alberto. Os moradores que estiveram no Vereador Santa, puderam assistir vídeos de prevenção e dicas para agir em caso de fenômenos climáticos. O diretor da Defesa Civil, Fabrício Melo, disse que o Bairro Municípios foi escolhido para o Simulado pela proximidade com o rio Peroba e já ter acontecido situações de alagamentos. “O simulado foi extremamente positivo e alcançamos nosso objetivo, inclusive com a participação popular. Faremos as situações de mesa a cada três meses e um treinamento prático a cada semestre”, ressaltou Fabrício. O vice-prefeito Carlos Humberto, participou do encerramento do Simulado no CEM Vereador Santa, onde agradeceu a equipe de trabalho, mas principalmente a população, que participou da atividade preventiva. “Claro que não queremos que esses fenômenos atinjam o bairro e a cidade, mas devemos estar preparados. Por isso, foi muito importante a participação de todos”.
O GRAC é formado por órgãos do Governo Municipal, Polícia Militar, Corpo de Bombeiros, Bombeiros Voluntários, Celesc, SAMU Regional, SAMU Municipal, Instituto Geral de Perícias (IGP), Departamento de Administração Prisional (DEAP, Instituto Federal Catarinense (IFC), PX Clube, e Instituto Anjos do Mar.

Share:

Deixe seu comentário

Seu e-mail não será publicado. Campos necessários estarão marcados com *