Camboriú

Agentes socioambientais do Programa Tatu se formam nessa quarta-feira

A formatura dos “tatuzinhos”, apelido carinhoso dado aos estudantes que participam do Programa Tatu de Educação Socioambiental – realizado por meio da parceria entre Fundação do Meio Ambiente e Secretaria de Educação – será realizada na próxima quarta-feira, dia 6, às 14 horas no auditório da Prefeitura de Camboriú. Ao todo, 50 estudantes da rede municipal de ensino, matriculados em turmas do 6º ao 8º ano do Ensino Fundamental, participaram das atividades do Programa Tatu ao longo de 2017 e vão receber o certificado de Agentes Socioambientais. Teresinha Dalla Rosa, uma das educadoras ambientais responsáveis pelo trabalho, explica que o objetivo do Programa é formar uma rede de multiplicadores que devem ajudar a promover uma mudança cultural que resulte em impactos positivos para a preservação ambiental no município. “Realizamos um trabalho contínuo com esses adolescentes porque entendemos que as sementes de hoje vão dar frutos ao longo dos anos, porque é assim que funciona a educação”, defende. Os trabalhos realizados com os adolescentes que participaram do Programa seguem o Calendário Ecológico, que lista datas importantes ao longo do ano para marcar a luta em defesa do Meio Ambiente. É a partir do Calendário que as educadoras ambientais planejam os temas e atividades abordados com os agentes em formação. “Em agosto, por exemplo, os alunos do Programa Tatu realizaram uma pesquisa com a população da cidade sobre diferentes formas e hábitos de poluição”, cita Teresinha. A atividade foi pautada pelo Dia de Combate à Poluição. Entre as outras datas citadas no Calendário Ecológico que pautaram as atividades do Programa Tatu, estão o Dia da Árvore, Semana de Proteção à Fauna, Dia do Estatuto da Terra, Dia de Proteção às Florestas e o Dia Mundial da Água. “O aprendizado em 2017 foi intenso e muito gratificante. Nosso desejo e expectativa é que essas meninas e meninos se tornem multiplicadores de uma agenda que pode ajudar a salvar a vida no Planeta e contribuir significativamente com o desenvolvimento sustentável de Camboriú em médio e longo prazo”, completa a educadora ambiental. No ano que vem, o Programa Tatu vai abranger um número ainda maior de estudantes da Rede Municipal de Ensino, com o objetivo de aumentar a rede de Agentes Socioambientais da cidade. Vão participar estudantes do pré-escolar III de nove CEIs; alunos do Ensino Fundamental de sete escolas; além dos adolescentes atendidos pelo Centro de Referência Especializado em Assistência Social (Creas).

Share:

Deixe seu comentário

Seu e-mail não será publicado. Campos necessários estarão marcados com *