Itajaí

Projeto Casa Sem Dengue é credenciado para receber incentivo do Ministério da Saúde

O projeto Casa Sem Dengue, desenvolvido pela Secretaria de Saúde de Itajaí nas escolas municipais, foi uma das quatro iniciativas catarinenses credenciadas pelo Ministério da Saúde para receber um incentivo para manutenção das atividades. A ação é realizada pela Vigilância Epidemiológica, por meio do Núcleo de Controle de Zoonoses, e já atingiu aproximadamente nove mil alunos – cerca de 30% da rede de ensino fundamental do município. Para manter as atividades realizadas nas escolas nos próximos três anos e ampliar o número de estudantes capacitados, o Ministério da Saúde vai repassar R$ 200 mil ao município. “Esse credenciamento é um reconhecimento ao trabalho de educação em saúde que tem sido feito para conscientizar a população sobre os cuidados com a dengue”, comenta a responsável pelo setor de Educação em Saúde do Núcleo de Controle de Zoonoses e coordenadora do projeto, Nara Carolina Silveira Machado. O objetivo do projeto Casa Sem Dengue é capacitar os professores e alunos líderes de salas de aulas para serem multiplicadores das orientações sobre a prevenção da proliferação do Aedes aegypti. Para conscientizar os estudantes, o projeto usa uma casinha de boneca, que mostra de uma forma lúdica situações de “certo” (verde) e “errado” (vermelho) para evitar focos do mosquito da dengue. A iniciativa também é promovida no Programa Escola Aberta como forma de orientar a população sobre as doenças transmitidas pelo mosquito, como dengue, chikungunya e zika vírus. A ação conta ainda com a parceria com a Secretaria de Educação.

Share:

Deixe seu comentário

Seu e-mail não será publicado. Campos necessários estarão marcados com *