Itajaí

Itajaí receberá o maior complexo industrial de pescado enlatado do mundo

O maior complexo industrial para produção de pescado enlatado do mundo será construído em Itajaí. A empresa Gomes da Costa (GDC) confirmou o novo investimento na tarde desta quinta-feira (03), mediante o compromisso do Município de Itajaí e do Governo do Estado em apoiar o projeto. Foi assinado um protocolo de intenções para a centralização das unidades operacionais da companhia, que hoje funcionam em diferentes locais da cidade, em um grande complexo no bairro Paciência.

Está previsto um investimento privado inicial de R$ 300 milhões. O terreno já foi comprado pela empresa em uma área de um milhão de metros quadrados e fará com que Itajaí seja a número um do mundo na produção de pescado enlatado.

“Vivemos um momento histórico para a nossa cidade. Envidamos todos os esforços para que Itajaí não perdesse esse grande investidor e vamos nos tornar o polo mundial de pescado enlatado”, comemora o prefeito Volnei Morastoni.

No documento assinado, a GDC assume o compromisso de manter e ampliar suas atividades em Itajaí, colaborando para o desenvolvimento sustentável, além de atender a todos os requisitos ambientais. A Prefeitura de Itajaí se compromete a dar suporte ao projeto, além de coordenar a viabilização dos incentivos econômicos e fiscais. Já o Governo do Estado vai viabilizar a pavimentação do acesso ao novo complexo e encaminhamento dos benefícios dos programas estaduais Pró-Emprego e de Desenvolvimento da Empresa Catarinense (Prodec).

“Esse empreendimento mostra a confiança pelo nosso Estado e promove o desenvolvimento dessa região. Seremos parceiros e o que assumimos como compromisso será cumprido para que a empresa se amplie aqui em Santa Catarina”, afirma o governador Eduardo Pinho Moreira.

Há 20 anos instalada em Itajaí, a GDC é a maior empregadora de Itajaí no setor privado, com dois mil empregos diretos e mais de 10 mil indiretos. Com o novo parque fabril, a expectativa é de ampliar ainda mais os postos de trabalho na cidade, além de contribuir com o desenvolvimento econômico e sustentável da região.

O presidente da Gomes da Costa, Enrique Orge Miguez, observa que depois de concluídas as obras de ampliação, o complexo será destaque mundial. “Será um dos maiores projetos da empresa no mundo, no segmento de enlatados, com tecnologia de ponta, incluindo produção de alimentos de alto valor agregado como óleos especiais e Ômega 3”.

O novo projeto
O novo complexo industrial da Gomes da Costa em Itajaí centralizará todas as operações da empresa, incluindo as indústrias de alimentos, embalagens e a operação logística. Atualmente, as unidades operam em quatro locais distintos da cidade.

“Essa será uma das formas de tirar o trânsito do centro de Itajaí. Já compramos um milhão de metros quadrados no Bairro Paciência para montar a empresa. Já temos o terreno e os recursos para começar imediatamente”, revela o CEO mundial do Grupo Calvo, Manuel Calvo.

Share:

Deixe seu comentário

Seu e-mail não será publicado. Campos necessários estarão marcados com *