Balneário Camboriú

Dia do Abraço: conheça programas de acolhimento oferecidos em Balneário Camboriú

O abraço é uma das ações de carinho mais afetivas que existem. Abraçar demonstra não só respeito, mas também interesse pelo bem do próximo. Nesta terça-feira (22) é o Dia Nacional do Abraço e a Prefeitura de Balneário Camboriú possui dois projetos voltados ao acolhimento: o ABRAÇO ao Servidor e o ABRAÇO de Proteção à Pessoa Idosa.

“O programa Abraço que desenvolvemos em nossa cidade, tanto dedicado ao Idoso quanto ao Servidor, criou espaços de relacionamento e acolhimento que não existiam antes, mas que são imprescindíveis para atendimento a esses dois públicos a que estão dedicados. Os números, os resultados e a reação positiva das pessoas atendidas mostram o acerto de termos implantado esse programa que, com profissionais bem treinados, dão a atenção necessária às pessoas que precisam de apoio em momentos difíceis de suas vidas”, disse o prefeito Fabrício Oliveira.

Criado para prestar apoio, auxílio e proteção aos servidores de Balneário Camboriú, o programa ABRAÇO ao Servidor já realizou desde o lançamento, em outubro de 2017, 860 intervenções. Em sete meses de programa, foram feitas 141 visitas domiciliares; 113 atendimentos psicológicos; 105 atendimentos interdisciplinar e 498 atendimentos de grupos, reuniões de rede, estudo de caso, dentre outros. A equipe do programa, formada por um assistente administrativo, uma assistente social, uma pedagoga e uma psicóloga, realiza atendimentos em regime de plantão 24 horas, através de visitas domiciliares, atendimentos individuais e coletivos. Entre as demandas identificadas junto aos servidores estão estresse laboral, condições de trabalho, agravantes de saúde, conflitos interpessoais, troca de setor, entre outros.

Funcionária há 25 anos na Secretaria de Planejamento, a socióloga Rosana Sebold, foi encaminhada ao ABRAÇO ao Servidor devido uma crise de transtorno generalizado em decorrência da depressão. No programa, desde dezembro do ano passado, Rosana recebeu acolhimento e conseguiu resgatar a autoestima para retomar o trabalho com mais satisfação. “Eu não sentia mais vontade de fazer projetos no trabalho, e após começar a receber o acompanhamento com a psicóloga do programa resgatei essa vontade. Continuo participando do Abraço e agora além de tratar dos problemas relacionados ao trabalho, também estou resolvendo os pessoais”, contou a servidora.

Além disso, Rosana também começou a frequentar serviços oferecidos pela Secretaria da Pessoa Idosa como o Pense Leve e Reiki. Também na Secretaria da Pessoa Idosa, acontece o Programa ABRAÇO de Proteção à Pessoa Idosa. Com um pouco mais de um ano, o programa atende idosos em situação de risco, com acompanhamentos psicológicos, jurídicos e de locomoção. Desde abril de 2017, foram realizados 1.730 atendimentos. Há um pouco mais de um mês, a aposentada Cléa Gema Telo, foi acolhida pelo ABRAÇO. “É um programa ótimo. Eu tenho depressão, mas com esse acolhimento tudo o que eu tenho de bom estou colocando para fora. Quando eu estiver melhor de saúde pretendo até auxiliar como voluntária”, comentou.

Com uma equipe formada por pedagoga, psicóloga, assistente social, uma advogada e um administrador, o atendimento do ABRAÇO à Pessoa Idosa é 24h, por meio de plantão telefônico, no (47) 3363-3020 ou presencial, de segunda a sexta-feira das 13h às 19h, na Secretaria da Pessoa Idosa, situada na Rua 1822 n° 614, entre a 3ª e a 4ª Avenida.

Share:

Deixe seu comentário

Seu e-mail não será publicado. Campos necessários estarão marcados com *