Esportes

Bayern de Munique demite técnico Niko Kovac

O croata Niko Kovac, até agora técnico do Bayern de Munique, foi demitido neste domingo, um dia depois de uma goleada histórica de 5 a 1 para o Eintracht Frankfurt fora de casa e após um mês de outubro decepcionante, indicou o clube campeão da Alemanha.

“Niko Kovac não é mais o treinador do FC Bayern”, afirmou o clube em um comunicado oficial, no qual explicou que a decisão foi tomada entre o presidente Uli Hoeness, seu braço direito Karl-Heinz Rummenigge e o diretor esportivo Hasan Salihamidzic, de acordo também com o próprio Niko Kovac.

“Até nova ordem, o assistente Hans Flick se encarrega da equipe e especialmente de prepará-la para as importantes partidas contra Olympiakos na Liga dos Campeões nesta quarta-feira e contra o Borussia Dortmund no sábado”, declarou o presidente do Conselho Executivo, Rummenigge, citado no comunicado.

“As atuações de nossa equipe estas últimas semanas e seus resultados nos mostraram que era necessário agir”, explicou Rummenigge para justificar a decisão.

“Quero agradecer em nome do Bayern a Niko Kovac por seu trabalho e especialmente os dois títulos (Bundesliga e Copa da Alemanha) conquistados na temporada passada”, declarou.

O diretor esportivo Salihamidzic pediu à equipe uma reação: “Espero agora de nossos jogadores uma atitude positiva e uma vontade absoluta de acertar, para que possamos alcançar nossos objetivos nesta temporada”.

Os atuais campeões da Alemanha venceram nesta temporada apenas cinco dos dez jogos do Campeonato (18 pontos).

É sua pior largada na competição desde a temporada 2010-2011 e o Bayern está a quatro pontos do líder, o Borussia Mönchengladbach.

A derrota de 5 a 1 de sábado em Frankfurt foi a mais dura para o Bayern em uma década no campeonato nacional, desde a que sofreu em abril de 2009 para o Wolfsburg pelo mesmo resultado.

“Acho que é a decisão correta no momento adequado para o clube”, afirmou por sua vez Kovac, que ocupava o cargo desde o início da temporada 2018-2019, quando havia substituído o veterano Jupp Heynckes.

“Os resultados e nosso jogo dos últimos tempos me levaram a esta conclusão”, admitiu.


Foto: Comandado pelo técnico Niko Kovac, o Bayern conseguiu vencer apenas cinco dos dez jogos que disputou na Bundesliga nesta temporada.
AFP/Arquivos / Daniel LEAL-OLIVAS

Share:

Deixe seu comentário

Seu e-mail não será publicado. Campos necessários estarão marcados com *