Alternância Salutar

Alternativa pode dificultar ladeira abaixo, e caixão do Billi pode mofar.

Dizem que não há mal que não se acabe, nem bem que seja eterno. Prefiro que o bem se eternize. Mas quando, e se, essa eternidade se torna prejudicial levando a acomodação, falta de ousadia e ações melhores. Surge a necessidade de alternativas, de alternância no poder.

O cosmopolitismo de Balneário Camboriú, com seus aspectos saudáveis do bem viver de província, em que pese certa regularidade da atual administração tem lá quem discorde, e se apresente para dar novos impulsos e melhorar a qualidade de vida dos munícipes.

Uma ave alvissareira da cidade, não foi o Piriquito, foi um não candidato que infelizmente está fora por razões familiares,  incompatibilidade com certos arranjos, e pela falta de tempo para se inserir como precisaria nos bairros devido à pandemia está fora.

Uma boa expectativa para a cidade já declinou o Coronel Evaldo. Mas ficou a semente de conversas desde o ano passado entre ele e quatro outros pré-candidatos, daí sairia um. Vereador Piruka, Piriquito, Leonel Pavan, já declinou apoia, seu novo companheiro de sigla Auri  Pavoni.

E parte considerável de pescadores da Barra conhecedora dessa importante via alternativa, se ela se concretizar, persistir e se unir.  Escolher um nome e atar bem a carreira, já diz que a ladeira não será tão fácil de descer assim, e que o caixão do Billi pode ter que ficar mais tempo na funerária.

Gean gestão ruinosa da crise

Após ter nos agraciado ano passado nas páginas policiais, agora o prefeito nos agracia com notícias negativas no noticiário nacional. Editorial do jornal Folha de São Paulo destaca o agravamento da crise sanitária em duas regiões Centro oeste e Sul, e de cinco capitais das quais, Florianópolis. O editorial diz que tal estado de coisas resulta situação de uma gestão ruinosa da crise. É o que se pode esperar de um gestor em recapear e pintar asfaltos, meio-fio, e considerar como obras.

Nilson da Pesca

Por um trabalho de quase toda uma vida em beneficio dos pescadores, tendo ocupado cargo na administração municipal de Itajaí, o escritor Nilson da Pesca, se coloca como pré candidato a vereador com intenção de seguir na mesma trajetória e luta. Na defesa dos pescadores, e suas famílias, e de todos os trabalhadores que fazem parte da cadeia produtiva e de distribuição pesqueira, em suas lutas por saúde, educação e demandas sociais. Nilson tem conhecimento e influência com autoridades estaduais e federais do setor, e como já faz pode ampliar os benefícios para os pescadores e todos os munícipes de Itajaí.

Café vida e transparência

E assim como o Café de Flore inspirou tantos poetas, escritores, filósofos, cientistas e até inspirou a Revolução da Igualdade, Liberdade e Fraternidade. Acredito em homens que tomam café, conversam olho no olho com pessoas nos cafés, não tem constrangimento em frequentar o lugar público e saborear a preciosidade do Café. Sou assíduo e fã. Desde a Boca Maldita (Chapecó), o Ponto Chic e Café Ouro Preto ( Ilha da Magia), o Dr. Café ( Joinville), e agora o Belo Porto Café em  Bombinhas e o Grão Sabor Cafeteria no Bistek do São João em Itajaí.

Frequentado por políticos, vereadores, prefeito, empresários, professores e apreciadores da excelente confeitaria e o café saboroso, destacando o ótimo atendimento.
Fui recebido pelo vereador Murilo e seu assessor, e conheci um excelente ponto para almoço rápido e um excelente café, com ótimo e especial atendimento.

Share:

Deixe seu comentário

Seu e-mail não será publicado. Campos necessários estarão marcados com *