Atualidade

Pesquisa no segmento fitness mostra que 88% dos alunos já se sentem seguros durante os treinos em academias

A startup de gestão fitness, Tecnofit, fez uma pesquisa com mais de 15 mil pessoas de todo o país para entender o comportamento dos alunos durante a pandemia e sugerir melhorias para os estabelecimentos.  

Para entender o cenário atual do mercado fitness, a Tecnofit em parceria com o consultor Luis Amoroso, especialista em gestão fitness, realizou uma pesquisa com alunos de academias a fim de trazer dados concretos e uma visão mais realista dos efeitos da pandemia nesse mercado. Pensando também em posicionar os empresários sobre como agir nesse momento, o resultado da pesquisa traz análises e insigths de profissionais que são destaques no ramo como Gustavo Borges, ex atleta olímpico e presidente da ACAD Brasil e Jacqueline Antunes, diretora da associação comercial que representa academias (IHRSA).
 

Entre os principais números mostrados no levantamento, destaca-se que dos 58% dos alunos que não cancelaram a matrícula durante a paralisação e já retornaram aos treinos,  88% sentem-se seguros no espaço. “A pesquisa também mostra que desses alunos que já retomaram as atividades, 84% estão bem satisfeitos com as medidas de prevenção e a partir de agora, 70% pensam em aumentar a frequência de treinos para pelo menos três vezes por semana”, explica Anderson Cichon, CTO da Tecnofit, startup realizadora da pesquisa. 

41% dos alunos pretendem voltar imediatamente aos treinos quando suas academias reabrirem

Para academias, centros de treinamentos e estúdios que ainda não retomaram as atividades, a pesquisa aponta que boa parte dos alunos já está animada para o retorno. Mais de 40% dos entrevistados esperam voltar imediatamente com os treinos assim que as portas dos estabelecimentos forem reabertas. 40% ainda não tem certeza quanto ao retorno (23% preza por segurança e 17% ainda não sabe quando retorna) e 19% não pretende voltar tão cedo, sendo que 11% aguarda vacina confiável e 8% pretende retomar as atividades só em 2021.  

Para 64% das pessoas, o maior motivador para o retorno dos treinos é o cuidado com a saúde. 14% sente saudades da rotina, 12% diz que o motivador importante é a segurança quanto às medidas preventivas, 7% preocupa-se com o cuidado com a aparência e 3% sente falta de fazer um social com os amigos.  “Podemos perceber que o perfil dos alunos mudou nesse período. Antes, notava-se que muita procura pelos centros de treinamento era por melhora na estética e beleza, hoje já percebemos que até o pós pandemia a prioridade será a saúde. Então, é importante que as academias estejam bem preparadas com a estrutura e cuidados com a higienização, porque após a reabertura haverá muita procura”, conta Anderson.

Atenção para as prioridades dos cuidados sanitários

A pesquisa também procurou detalhar quais são as maiores preocupações dos alunos em relação aos protocolos de segurança. Em escala de importância ficou o aumento dos cuidados com a limpeza e higiene geral (72%), os produtos para higienização como álcool em gel (71%), a sinalização adequada para o distanciamento entre as pessoas (62%), aferir a temperatura na entrada do estabelecimento (42%), as placas de acrílico na recepção (31%) e a liberação para o uso de chuveiros após os treinos (12%). 

“Como 23% dos alunos só retornará aos treinos com todos os protocolos sendo seguidos, o papel do empreendedor nesse momento é garantir que a segurança será eficaz no ambiente. Prepare-se como se fosse reabrir amanhã, e registre todas as adaptações preventivas por fotos ou vídeos para que os alunos saibam que todos os cuidados pontuados e exigidos na pesquisa estão sendo cumpridos”, explica o consultor Luis Amoroso.

A indecisão atinge 24% dos alunos que ainda não voltaram às atividades

Apesar dos números serem bem positivos, existe uma parcela de pessoas com muito receio sobre o retorno. Dos estabelecimentos que seguem fechados, os das regiões do país com maior coeficiente de insegurança, por exemplo, são o sul com 33% e o norte do país que aponta 30%. A pesquisa ainda mostrou que 42% dos alunos ainda não retornaram às academias e 24% desses seguem indecisos com o retorno. Desta amostra, 5% só retomará os treinos quando perceber medidas de prevenção mais eficazes no estabelecimento e 10% declarou que esperará por uma vacina para voltar com os exercícios físicos. Apenas 8% dos que não retornaram pensam em voltar aos treinos em breve. 

A pesquisa evidencia que a segurança é o fator primordial para que os indecisos retornem. E para Gustavo Borges, ex atleta olímpico e presidente da ACAD Brasil, vale ressaltar a importância de fazer uma comunicação eficaz das ações que o estabelecimento tem tomado para tornar o ambiente seguro. “Quanto mais a gente avançar na comunicação, quanto mais a gente mostrar que a atividade física é algo que salva vidas, trabalha a autoestima, e que trabalha o desenvolvimento humano, aliado com a segurança, melhor. 64% das pessoas voltaram por conta disso, pelo cuidado com a saúde. E isso é um ponto que é fundamental a gente mostrar e martelar, e nesse caso, a mídia nos ajuda muito” ressalta Gustavo Borges.

O consultor Luis Amoroso também reforça que coletar testemunhos de alunos, fazer fotos, vídeos e transmissões ao vivo, para mostrar como o ambiente está, são boas dicas para as empresas implementarem no dia a dia de trabalho. “As pessoas se sentirão mais seguras ao verem outras frequentando tranquilamente o espaço. Vale também relembrar pela comunicação a importância de se praticar exercícios físicos e os riscos do sedentarismo, não apenas para a saúde física, mas mais ainda nesse momento de isolamento social para a saúde mental”, explica Luis Amoroso. 

Sobre a Tecnofit    

A Tecnofit é um sistema de gestão de negócios fitness totalmente on-line criado pelo programador Anderson Cichon e por Antonio Maganhotte Junior, sócio fundador do EBANX. Com o sistema, o gestor controla diversas áreas como financeiro, vendas, relacionamento, programa de fidelidade, agenda de turmas, fichas de treinos e muitas outras funcionalidades. Aliado a ele, existe também o aplicativo Tecnofit Gestão, que complementa a administração do negócio com total mobilidade, e o aplicativo Tecnofit destinado para o aluno, que controla ficha de exercícios, avaliação física, resultados, check-in nas aulas, contratos e renovação de planos.  A empresa ainda tem outros aplicativos: o Tecnofit Box, voltado para alunos de CrossFit; e o Personal, feito para a gestão e controle para personal trainers.

Share:

Deixe seu comentário

Seu e-mail não será publicado. Campos necessários estarão marcados com *