Itajaí

Porto de Itajaí: Fábio da Veiga assume a Superintendência

Esta é a segunda vez que Fábio ocupa a cadeira de Superintendente da Autoridade Portuária.

“É com grande orgulho que recebi o convite do prefeito Volnei Morastoni para nessa segunda oportunidade assumir a Superintendência do Porto de Itajaí. Obviamente, isso é fruto de muito trabalho, de muita correção e de muita fidelidade ao prefeito no sentido de ele ter essa confiança. Obviamente, toda a parte do planejamento que foi desenvolvido pelo antigo gestor, ao qual fez um excelente trabalho, a de se dizer, terão total continuidade, e acima de tudo, o mesmo comprometimento pelo crescimento do nosso porto e também a valorização ao trabalhador portuário”, destaca Fábio da Veiga.

Em maio de 2019, seu nome já havia sido indicado pelo prefeito para ocupar o cargo, e, como normativa do governo legislativo por meio de Lei Orgânica do Município, foi sabatinado durante Sessão Extraordinária e naquela oportunidade recebeu aprovação de todos os vereadores presentes para assumir o cargo devido ter demonstrado competência e conhecimentos técnicos. Depois que passou pelo processo de Arguição Pública na sede da Câmara Municipal, assumiu oficialmente naquele mês a função de superintendente onde permaneceu por cinco meses.

Fábio da Veiga tem 41 anos de idade, nasceu em Itajaí, é casado e pai de dois filhos. É graduado em Direito, com especialização em Direito Empresarial e Negócios. Na primeira gestão do prefeito Volnei Morastoni, trabalhou na Superintendência do Porto de Itajaí entre 2005 e 2008, tendo exercido os cargos de Assessor Jurídico, Diretor Jurídico e Assessor de Auditoria. Na gestão passada, a partir de janeiro de 2017, também integrou a equipe estando ocupando os cargos de Assessor de Auditoria e Assessor Jurídico.

 
Durante o período em que atuou na gestão anterior, importantes ações estruturantes foram conquistadas, entre elas, a recuperação e conclusão das obras dos berços 3 e 4, a implantação da 1ª etapa da Nova Bacia de Evolução do Complexo Portuário de Itajaí e Navegantes, nova sinalização náutica, nova poligonal do Porto Organizado, expansão portuária e plano de desapropriações, mais de 30 operações do sistema (Roll On Roll Off), dragagem de restabelecimento, atualização da Carta Náutica, estudos de ampliação e modernização do Porto de Itajaí (Projeto de  Desestatização), entre outras ações entregues a sociedade de Itajaí, assim como também para toda a classe dos trabalhadores portuários que atuam diretamente no porto de Itajaí e no complexo em geral.

Uma Gestão Humanizada

Por fim, o novo superintendente do Porto de Itajaí, acredita numa gestão mais próxima da cidade onde todos tenham o direito de serem ouvidos e com isso possam se juntar a administração, falando a mesma língua:

“Cada um tem suas características, e uma das minhas ao qual sempre demonstrei, ainda mais por ser natural de Itajaí, é o ato de poder circular em todos os meios da sociedade, tendo essa particularidade de conviver com todos, e quando digo mais humana, neste caso voltado para a nossa atividade, é a total assistência direta a classe dos trabalhadores portuários que envolvem desde o arrumador, o estivador, o conferente, o efetivo do bloco, o vigia portuário, o motorista, os armadores em geral, o trade do comércio que atua nas áreas de exportação e importação, a relação direta com os nossos representantes dos Órgãos Intervenientes e demais representantes dos TUPs (Terminais de Uso Privado), do complexo portuário, a participação direta e colaborativa com os membros da sociedade civil organizada, entre outros profissionais.

Gostaria de destacar também a nossa relação direta com a APM Terminals, que é a empresa arrendatária do Porto de Itajaí, ao qual temos o compromisso de caminharmos sempre juntos, lado a lado, de entender cada vez mais a necessidade de buscar avanços, e, que apesar das nossas instalações terem um limite de áreas, que saibamos sempre em união, encontrar soluções para continuar com incrementos nas nossas movimentações.

Também enalteço que grande parte da equipe do porto, foi reconduzida aos seus cargos para mais essa nova gestão. Isso demonstra o quão qualificado foi a gestão dos últimos quatro anos, e essa recondução demonstra que o prefeito Volnei Morastoni continua exigindo do porto, e assim será, uma administração competente, mas acima de tudo técnica, acima de tudo sem as amarras político partidário, onde todos os agentes da comunidade portuária sejam atendidos de forma legal e de forma republicana, e assim estava ocorrendo e assim continuará sendo feito. A Autoridade Portuária terá na minha pessoa, um diálogo constante, permanente de visitação, de rapidez nas respostas para que possamos aos poucos ir avançando frente aos problemas que vão surgir, que sabemos que toda a autoridade portuária tem, mas, que em Itajaí, nós temos a característica da união e da resolução desses problemas em conjunto e isso será cada vez mais fomentado nessa gestão que recém iniciou”, conclui Fábio da Veiga

Share:

Deixe seu comentário

Seu e-mail não será publicado. Campos necessários estarão marcados com *