Camboriú

Balanço do Cerfis mostra que fila de audiometria zerou em Camboriú

O Centro de Reabilitação e Fisioterapia (Cerfis) de Camboriú zerou a fila de avalições de audiometria – exame para detecção de alterações auditivas – na última semana de setembro. Com cerca de dez atendimentos diários, a unidade especializada supriu a demanda existente desde o início de 2016. Quase 400 moradores foram atendidos durante este ano. Segundo o fisioterapeuta e coordenador do Cerfis, Renato Augusto Poncelet, quem precisar realizar as avalições consegue agendamento imediato. “Trabalhamos com a referência vinda das Unidades Básicas de Saúde. Assim, agendamos os exames após solicitação de um otorrinolaringologista ou neurologista da rede. Com a higienização da fila de espera, conseguimos ofertar mais agilidade no tratamento de alterações do sistema auditivo e detectar com brevidade, por exemplo, se alguém tem a necessidade do uso de um aparelho auditivo ou possui déficit de atenção impulsionado por isso”, enfatiza. Foram realizados no Centro de Reabilitação e Fisioterapia, entre 1° de janeiro e 31 de agosto, 9.673 atendimentos. Os meses de maio, julho e junho são os com maior assistência: 1.602, 1.430 e 1.417, respectivamente. Dados repassados pela coordenação do local mostram ainda que sessões para tratar casos de lombalgia (dores na coluna) e tendinopatia (inflamações musculares) figuram como as mais recorrentes durante os oitos meses. Dentre outras informações levantadas, estão a predominância de atendimentos para pessoas entre 45 e 70 anos de idade; e moradores do Centro, Monte Alegre, Areias e Rio Pequeno. Além disso, é maior a procura de mulheres pelo serviço. Mirian Valeriano Cavalcante, de 36 anos, sofreu um acidente de trânsito em dezembro e precisou colocar 13 pinos no braço esquerdo. Em cerca de um mês após a cirurgia, a moradora foi chamada para avaliação e iniciou o tratamento. Para melhorar as funções motoras, são feitos exercícios de mobilização do punho e de aumento da amplitude de movimento. Segundo ela, a assistência ofertada já surte efeitos e a auxilia em atividades comuns. “Depois da primeira sessão, já consegui mexer a mão e os dedos, coisas que eu não conseguia logo após o acidente”, enfatiza.

Centro especializado em tratamento fisioterapêutico

O Cerfis de Camboriú atende pessoas que necessitam de tratamento fisioterapêutico ou fonoaudiológico, referenciados pela Atenção Básica. Para ser atendido na unidade, é necessário que o moradores se consultem com um médico clínico-geral na Unidade Básica do bairro em que residem. Se for identificada a necessidade, o profissional irá encaminhar o paciente para o Centro e, após agendamento, ele entrará na fila de espera. Assim que chamado, o paciente passará por uma avaliação e iniciará as sessões – cerca de dez, podendo aumentar de acordo com a análise da fisioterapeuta para cada caso. Sete fisioterapeutas e três fonoaudiólogos integram a equipe do Cerfis. Para propiciar ainda mais o bem-estar aos pacientes, o Centro possui um carro que faz o deslocamento de pacientes cadeirantes e impossibilitados de se locomoverem sozinhos. A unidade especializada está localizada na R. Porto Alegre, n° 674, no Centro. O horário de atendimento é de segunda a sexta-feira, das 7 às 18 horas – sem fechar para o almoço.

Share:

Deixe seu comentário

Seu e-mail não será publicado. Campos necessários estarão marcados com *