Itajaí

Missão do financiamento internacional visita Município de Itajaí

Os quatro especialistas enviados do Fundo Financeiro para o Desenvolvimento da Bacia do Prata (Fonplata), desde segunda-feira (19) no Município de Itajaí, foram recebidos pelo prefeito Volnei Morastoni na tarde desta quarta-feira (21). Os executivos da instituição financeira são responsáveis pela análise dos projetos para liberação de US$ 62 milhões em obras estruturais no município. Junto ao secretariado, Oscar Baldivieso, Oscar Carvallo, Maximiliano Agudo e Hernán Benítez manifestaram a competência dos técnicos da Prefeitura de Itajaí e garantiram agilidade no processo de liberação dos recursos.

“O Fonplata e nós da equipe de trabalho queremos manifestar que as informações prestadas pelo Município de Itajaí são ótimas e permitem que nossa equipe avance rapidamente”, avaliou Oscar Baldivieso, chefe da missão Fonplata à Itajaí. Baldivieso projetou que o documento final e a apreciação dos diretores do fundo até junho. “Este é um dos maiores empréstimos para o Brasil, por isso é nossa prioridade”, sentencia.

O prefeito Volnei Morastoni ressaltou a qualidade da equipe técnica da Prefeitura e agradeceu a dedicação dos executivos do Fonplata na liberação do empréstimo. “São investimentos estruturais que irão transformar a nossa cidade, vão proporcionar um desenvolvimento em diversas áreas especialmente na mobilidade urbana.” O prefeito garantiu também que antes mesmo do recurso ser liberado as licitações das obras já estarão concluídas.

O financiamento do Fonplata

Durante a reunião, o coordenador do Planejamento Estratégico do Município de Itajaí – PEMI 2040, Alcides Volpato, explicou todas as fases da aprovação do financiamento estrangeiro dos US$ 62 milhões. Volpato também apresentou as razões que levaram o Município de Itajaí a escolher esta fonte de recursos: “Não há financiamento mais vantajoso para Itajaí do que este estabelecido com o Fonplata. Mesmo que o dólar chegue ao valor de quatro reais, o financiamento ainda é um investimento mais barato do que com outros bancos.”

Os quatro especialistas do Fonplata nas áreas socioeconômica, engenharia, ambiental e institucional permanecem em Itajaí até sexta-feira (23). De acordo com os executivos do banco e com o coordenador do PEMI 2040, Alcides Volpato, o recurso estará disponível para ser utilizado em Itajaí ainda no segundo semestre.

Share:

Deixe seu comentário

Seu e-mail não será publicado. Campos necessários estarão marcados com *