Começo escrevendo essa carta de repúdio sabendo que não terei apoio da sociedade e nem de muitas mulheres. E antes que se conclua eu vos pergunto: As escolhas de uma mulher é razão suficiente para um homem abusar verbalmente e sexualmente dessa mulher? Afinal de contas é a sua vida ou não? Primeiramente irei fundo na história para ser claro e preciso em tudo que irei vos dizer. Nós bem sabemos que a educação do homem sempre foi diferente da mulher, enquanto ele caía na farra ou era mandado a trabalhar a mulher aprendia ser uma Amélia. O que para muitos sempre foi à mulher de verdade, Amélia sempre foi a submissa, acuada.
Em pleno século XIX a mulher boa era a que sabia cuidar bem da casa e do marido, caso contrário não servia como esposa quiçá como mãe de seus filhos. Com isso foi se criando uma sociedade machista levando a mulher também para esse lado.
A sociedade, antes de tudo, vê a mulher como o ser frágil em seguida como mercadoria e por último, objeto sexual. Mesmo com o passar dos séculos isso persiste e prevejo que a tendência é piorar.
A mulher é sempre a errada da história e o homem correto em tudo que faz. Nas redes sociais é visível tanto machismo. É impugnante o que acontece em redes sociais. Mulher alguma pode responder enquetes ou qualquer outra discussão que ela é levada ao sexo e tratada como lixo. O menor gesto cometido por ela é interpretado como uma brecha para o macho alfa vir com abusos.
Sugiro a todas as mulheres darem um basta contra tudo isso. Se nós mulheres nos calarmos a sociedade sempre será a favor do homem, tanto que na sua maioria os representes do povo no governo são homens. Nós mulheres ficamos em segundo plano sempre.Quando tudo isso vai mudar? Sabemos que a situação não é fáceis para nós mulheres, mas o que está em jogo aqui são os nossos direitos e respeito. Quem é que gera a vida carregando no ventre por nove meses uma criança, não é a mulher? Como pode a sociedade ser tão cruel e machista para conosco? Penso que calada estaremos aceitando tudo isso. Eu que tanto defendo a mulher e falo principalmente da mulher negra, aquela que mais sofre no Brasil não recebo apoio algum de mulheres. Os homens até ficam com raiva de tudo que eu digo, pois procuro sempre tocar na ferida. Eles sabem que erram. Mas jamais assumiriam seus erros. Muitos homens não têm consciência de seus atos, estão sempre se achando os corretos.
É hora de reagirmos. Eu não aturo machista. Eu não me calo. Se você é capaz de lutar pelos seus sonhos lute junto com demais mulheres pelos seus direitos e para ser respeita enquanto pessoa, enquanto mulher. Eu não sou lixo e você?

Clarisse da Costa é poetisa e defensora das mulheres Biguaçu SC Brasil Contato: clarissedacosta81@gmail.com

Área de anexos
Share:

Deixe seu comentário

Seu e-mail não será publicado. Campos necessários estarão marcados com *