Esportes

Ajax goleia, avança às quartas da Champions e encerra reinado do Real Madrid

O Ajax eliminou o Real Madrid da Champions League nesta terça-feira goleando por 4 a 1 o time espanhol em pleno Santiago Bernabéu pelo jogo de volta das oitavas de final, encerrando uma semana catastrófica para os ‘merengues’ que já haviam perdido duas vezes seguidas para o Barcelona.

Os gols de Hakim Ziyech (7), David Neres (18), Dusan Tadic (65) e Lasse Schone (72), levaram o Ajax às quartas de final da Champions, enquanto que Marco Asensio (70) fez o de honra.

Em apenas uma semana, desde que na última quarta-feira perdeu nas semifinais da Copa do Rei para o Barça, o Real Madrid ficou sem opções para esta temporada após ficar de fora da disputa pela Copa do Rei, Campeonato Espanhol e agora a Champions, que era sua última esperança.

Para piorar, o time madrilenho perdeu Lucas Vázquez e Vinícius Junior, dois de seus jogadores em melhor fase, que saíram machucados, os dois chorando, e foram substituídos no primeiro tempo por Gareth Bale e Marco Asensio, respectivamente.

A má pontaria voltou a atrapalhar uma equipe que mandou duas bolas na trave, e que sentiu falta na zaga do capitão Sergio Ramos, suspenso, e acumulou sua quarta derrota consecutiva em casa.

O Real Madrid, atual tricampeão da ‘Champions’, estava a uma década sem ser eliminado nas oitavas de final do torneio, desde a temporada 2008/2009.

– Dois gols, duas lesões –

A partida foi aberta, com os dois times buscando o gol desde o início. De um lado, um Real Madrid querendo espantar os fracassos recentes diante do Barcelona. Do outro, o Ajax, tendo a vitória como única opção depois de perder para os madrilenhos em Amsterdã por 2 a 1.

Logo aos 3 minutos, o time da casa assustou com Vázquez, que fez uma boa jogada pelo lado direito e cruzou para o zagueiro francês Raphaël Varane que cabeceou mas a bola explodiu no travessão.

Três minutos depois, o alemão Toni Kroos perdeu a bola no meio-campo cedendo um contra-ataque para o Ajax. O sérvio Tadic entrou na área e tocou para Ziyech que abriu a contagem para o time holandês.

Para o espanto dos torcedores no Santiago Bernabéu, aos 17, Tadic voltou a fazer uma boa jogada na direita e deixou livre para o brasileiro David Neres que driblou o goleiro Thibaut Courtois e ampliou.

E para piorar a situação do Real Madrid, o time espanhol perdeu em apenas cinco minutos, duas de suas principais armas no ataque. Lucas Vázquez caiu sentindo dores e foi substituído pelo desacreditado Gareth Bale. Pouco depois foi a vez do jovem Vinicius Junior sair do campo chorando com muitas dores após uma jogada pela esquerda. O brasileiro recebeu atendimento médico mas Asensio acabou entrando em seu lugar aos 34 minutos.

Gareth Bale bem que tentou em uma jogada pela esquerda. O galês entrou na área e chutou cruzado mas a bola bateu na trave.

Mesmo com a vantagem no Santiago Bernabéu, o jovem time do Ajax não se fechou e seguiu dando trabalho à zaga do Real Madrid.

– Ajax segue atacando e amplia –

Mas quem começou o segundo tempo assustando foi o Real Madrid. Asensio aproveitou uma sobra e chutou perto do gol de Onana.

Aos 16 minutos Tadic, que fez ótima partida, apareceu mais uma vez. Reguilón perdeu a bola e o sérvio recebeu uma assistência de Van de Beek. Ele ajeitou e colocou a bola quase no ângulo, em um chute indefensável. O lance teve uma polêmica já que no início da jogada a bola parecia ter saído na linha lateral. O juiz consultou o VAR mas acabou confirmando o gol.

Aos 24 minutos do segundo tempo, o Real Madrid mostrou que ainda estava vivo quando Reguilón cruzou para Asensio, que chutou no canto do goleiro Onana.

O time espanhol ainda precisava de mais dois gols para se classificar mas a esperança durou pouco. Schöne surpreendeu ao cobrar uma falta da esquerda direto para o gol, enganando Courtois.

O Real Madrid ainda tentou diminuir para evitar o vexame no Bernabéu. Modric fez uma jogada pela direita e tocou para Benzema marcar diante do gol vazio mas o atacante francês escorregou e a bola passou direto por ele, sobrando para Bale que chutou sobre o goleiro.

O Ajax teve uma chance de ampliar, quando Tadic avançou pela esquerda e tocou para Ziyech, que perdeu o gol na pequena área.

Aos 48 minutos, Nacho Fernández reclamou com o árbitro e acabou sendo expulso ao receber o segundo cartão amarelo, deixando o Real Madrid com menos um em campo e encerrando a partida, e a temporada, de forma melancólica.

Com a goleada histórica sobre o atual tricampeão da Champions League em pleno Santiago Bernabéu, o jovem time do Ajax encerra um reinado madrilenho de mais de 1000 dias e agora quer ir mais longe, além das quartas de final.

AFP / GABRIEL BOUYS

Share:

Deixe seu comentário

Seu e-mail não será publicado. Campos necessários estarão marcados com *