Balneário Camboriú

TCE aponta BC como exemplo de boas práticas no ensino online, em tempos de pandemia

Em documento encaminhado aos municípios de Santa Catarina, o Tribunal de Contas do Estado (TCE) destacou a atuação da Secretaria da Educação de Balneário Camboriú, pelas atividades à distância, disponibilizadas pelo Município durante o período de suspensão das aulas em prevenção ao coronavírus (Covid-19).

Cerca de 12 mil estudantes têm acesso à plataforma on-line de estudos, acessadas por meio do Google Sala de Aula. Balneário Camboriú destacou-se na avaliação do TCE junto a outros três municípios catarinenses: Florianópolis, Lages e Jaraguá do Sul.

Na semana passada o TCE distribuiu aos 295 municípios uma cartilha de “Orientação aos Gestores da Educação durante e após a Pandemia do Covid-19”. O documento, que orienta e informa os profissionais da Educação sobre vários assuntos como Ofertas na Educação tanto no Ensino Fundamental como na Educação Infantil; Alimentação; Disponibilidade de recursos e acesso à Educação; Interação e Bem Estar; Planejamento para a retomada do ensino presencial; entre outros assuntos; trazia o destaque ao município de Balneário Camboriú.

“É para nós, enquanto educadores e gestores públicos, gratificante receber esse retorno. Nossa plataforma é alimentada diariamente pelos profissionais da Educação que se empenham e se dedicam”, diz a secretária da Educação Rosângela Percegona Borba.

Juntos com a capital e os outros dois municípios, Balneário Camboriú foi citado no item que refere-se à “Oferta de Educação” – pela disponibilidade de recursos de acesso à Educação à distância. Na mesma “cartilha” o TCE destacou também a atuação da rede Estadual de Ensino nas escolas do Município.

“É muito bom sabermos que a Educação de Balneário Camboriú é destaque, mesmo atravessando esse momento difícil, de isolamento social. Figuramos junto com outras três cidades de maiores portes, inclusive a capital do Estado. Em nome da população de Balneário Camboriú, agradeço a todos os profissionais da Educação, que não têm medido esforços para alcançar esse resultado”, ressalta o prefeito Fabrício Oliveira.

Recordando
Desde o dia 30 de março os alunos da Rede Municipal de Ensino de Balneário Camboriú têm acesso as atividades à distância, disponibilizadas pelo município durante o período de suspensão de aulas em prevenção ao coronavírus (Covid-19). As salas virtuais são acessadas por meio do Google Sala de Aula, disponibilizadas para a Secretaria Municipal de Educação desde 2017. Cerca de 12 mil alunos estão inscritos.

Os pais e/ou responsáveis das crianças matriculadas nas escolas municipais receberam um acesso exclusivo para utilizar a plataforma que diariamente é alimentada pelos professores. O objetivo é manter o aluno em contato com as questões educacionais. Desde o dia 18 de março, as aulas estão suspensas no município, por causa da pandemia do coronavírus.

Material físico
Para as crianças que não possuem acesso à internet em casa, a Secretaria de Educação entrega, na forma física, as atividades nas escolas em que o aluno está matriculado. Assim, todos têm acesso a um conteúdo de aprendizagem nesse período de isolamento social.

“A disponibilização do material físico se dá ao Ensino Fundamental. Devido às atividades da Educação Infantil serem mais lúdicas, não haverá esse procedimento aos alunos das creches”, explica a Secretária Rosangela. “Sabemos como o presencial é importante, mas nesse momento é fundamental ficarmos em casa. Aconselhamos os pais a criarem uma rotina para seus filhos, com seriedade e disciplina, trazendo esses compromissos para os estudos em domicílio”, finaliza.

Share:

Deixe seu comentário

Seu e-mail não será publicado. Campos necessários estarão marcados com *