“Qualidade de Vida para nossa Gente”: entrevista com o prefeito reeleito do município de Luiz Alves, Marcos Pedro Veber

“Qualidade de Vida para nossa Gente”: entrevista com o prefeito reeleito do município de Luiz Alves, Marcos Pedro Veber

Ele é jovem, preparado e determinado, sua gestão está a todo vapor, conversamos esta semana com o prefeito reeleito do município de Luiz Alves, Marcos Pedro Veber (PSDB).

1 – Prefeito cite algumas ações importantes durante os 100 primeiros dias de governo.

Neste primeiro semestre conseguimos concluir e entregar para os Luizalvenses diversas obras importantes que iniciaram em meu outro mandato. Dentre elas, podemos citar:

– Centro de Educação Infantil Verônica Müller, no bairro Braço Elza;

– Pavimentação da Rua Amélia Schweitzer, no Braço Cunha;

– Pavimentação Rua Antonio Schmitt, Bairro vila Nova;

– Reforma da Escola Municipal Celeste Scola, no Bairro Ribeirão do Padre;

– Reforma e Ampliação da UBS MárgioMelchioretto, no bairro Rio do Peixe;

– Espaço de Esporte, Saúde e Lazer Nathan Scola Lucindo, no bairro Rio do Peixe;

– Centro de Fisioterapia, na Vila do Salto;

– Também entregamos a documentação de Regularização Fundiária (Reurb) para 94 famílias dos Conjuntos Habitacionais dos bairros Rio do Peixe e Serafim;

 – Fizemos mutirões de exames e cirurgias na área da Saúde;

– Realizamos manutenções e pequenas obras em diversos bairros do Município. Além de diversas ações envolvendo todas as Secretarias.

2 – Como está a relação do governo com o Legislativo?

Estamos indo bem. A partir do momento que a eleição passa, nosso foco é a cidade de Luiz Alves, por isso buscamos sempre ter uma harmonia entre o Executivo e Legislativo, visando bons resultados para a população. Toda ação tomada pelo executivo visa o bem geral e temos conseguido aprovação necessária para execução de nossos projetos. Além disso, o PSDB, meu partido, possui maioria na Câmara, o que facilita nosso diálogo.

3 – As ações de enfrentamento à pandemia ficaram ainda maiores com a falta de vacina?

Luiz Alves vem mantendo números estáveis de contaminados pela Covid-19 em 2021. Ano passado tivemos picos maiores de pacientes positivos, mas graças a ações da Secretaria da Saúde e esforço da população, temos mantido uma média baixa de pacientes. No último boletim epidemiológico, por exemplo (02/06/21), tínhamos 17 casos ativos. Temos fiscalizado e feito campanhas de prevenção tanto nas redes sociais, quanto pessoalmente.  Mesmo ocorrendo de forma lenta a vacinação, devido ao recebimento de poucas doses, nossos servidores da Saúde tem se organizado para vacinar o maior número de pessoas possível e temos tido sucesso nisso. Graças a Deus, a maioria dos públicos alvo já foram vacinados e seguimos trabalhando para diminuirmos ainda mais o número de pacientes. Para isso, reforço que contamos com um esforço coletivo e peço a todos que cumpram os protocolos de prevenção. Hoje somos a cidade com menor índice de casos confirmados e óbitos na região da Amfri.

 4 – Quais são os projetos para o turismo em Luiz Alves que devem ser executados em sua gestão?

Em meu primeiro mandato realizamos diversas ações focadas no turismo. Entre elas, investimos em uma nova identidade para a Festa Nacional da Cachaça, além de criarmos a Rota da Cachaça, um roteiro turístico em parceria com 10 alambiques da nossa cidade. Para fomentar ainda mais o turismo, através do Governo do Estado, conseguimos firmar um convênio para a pavimentação de ruas que compõem a Rota da Cachaça. Com esses investimentos no valor de R$3.366.771,73, todos os acessos aos alambiques serão pavimentados, o que vai atrair ainda mais turistas. Além disso, estamos trabalhando pela Identificação Geográfica – IG da nossa banana e cachaça, em parceria com o Sebrae.

 5 – Luiz Alves é referência nacional na produção de cachaça, como estão as exportações?

Luiz Alves produz um milhão de litros de cachaça por ano, de forma artesanal, prezando sempre a qualidade dos produtos. Nos últimos anos, nossas cachaças estão sendo premiadas nos principais concursos do Brasil e do mundo, trazendo uma nova visibilidade para o setor, aumentando a venda no mercado interno e também as exportações.

6 – O turismo foi um dos setores mais afetados pela pandemia da Covid-19 e um dos primeiros a sentir os impactos negativos causados pelas políticas de restrições. Com a volta do turismo rural o município está preparado e seguindo os protocolos sanitários vigentes?

Sim. Todos os produtores e comerciantes foram orientados e têm cumprido ao máximo as recomendações sanitárias. Neste ponto da pandemia, os visitantes também já estão educados a cumprirem as normas. Por ser um turismo que visa mais práticas ao ar livre, nem sempre existe o contato físico, o que evita contaminações.

“Resiliência, superando desafios, nos preparando para um novo Brasil”

 7 – Uma mensagem aos munícipes.

Estamos chegando à metade do ano de 2021, com meses de bastante trabalho e zelo com a nossa população. Temos enfrentado neste último ano a maior crise sanitária e econômica, sendo dias difíceis em tomadas de decisões, mas sempre prezando a qualidade de vida da nossa gente. O momento exige de nós resiliência e assim estamos superando esses desafios e nos preparando para um novo Brasil que devemos ter pós- pandemia, com planejamento e trabalho para continuarmos as nossas ações frente à prefeitura de Luiz Alves para os próximos anos, transformando a cidade de Luiz Alves.

Edição: Lierge Coradini

CATEGORIA
Compartilhar com

Comentário

Disqus ( )