Ação do Trato Pela Lagoa lacra ligação clandestina de restaurante na Barra da Lagoa

Estabelecimento lançava gordura diretamente no canal; denúncia de crime ambiental foi confirmada pela equipe do programa

Uma ação especial do Trato Pela Lagoa resultou no lacre, nesta terça-feira (06), da ligação clandestina de um restaurante que lançava gordura diretamente no canal que liga a Lagoa da Conceição à praia da Barra da Lagoa, no Leste da Ilha de Santa Catarina.

Fotos: Tito Pereira/Trato Pela Lagoa – Prefeitura Municipal de Florianópolis

Após denúncia de esgoto irregular, o Trato foi ao local, acompanhado da Floram, e constatou que o extravasor da caixa de gordura do estabelecimento, localizado na Rua Laurindo José de Souza, estava conectado à rede de drenagem pluvial.

Testes com corante comprovaram o crime ambiental. A tubulação teve de ser lacrada pelo próprio responsável, interrompendo de imediato o fluxo de gordura no canal.

Esta é a segunda ação do Trato Pela Lagoa em parceria com órgãos de fiscalização – Floram e Vigilância Sanitária – para verificar casos de esgoto ligado à rede de drenagem pluvial na região da Lagoa da Conceição.

O programa – Lançado em fevereiro de 2021, o Trato Pela Lagoa é um programa de inspeções sanitárias, educação ambiental e mobilização social que objetiva regularizar o saneamento básico e contribuir para a melhoria ambiental da Lagoa da Conceição. O projeto é realizado pela Casan, em parceria com a Prefeitura Municipal de Florianópolis (PMF), e executado pela Tec Civil Construções.

O Trato Pela Lagoa tem sede na Rua Altenor Viêira, 132, aberta à população. O telefone para contato e agendamento de inspeção é (48) 3209-4929 (WhatsApp).

Sair da versão mobile